Noticias no Blog

Cine Curtas UJS Novos Filmes Veja o primeiro minuto do filme 'Lula, o Filho do Brasil'

TV Socialista

Loading...

segunda-feira, 30 de novembro de 2009

UERJ completa 59 anos. Alunos e funcionários querem melhorias


A Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) completa nesta semana 59 anos. Apesar da qualidade reconhecida, a Instituição tem sofrido com o desgaste por falta de maiores investimentos dos governos. Em 2006, um reboco se soltou da Universidade e, em 2007, um prédio pegou fogo.

Continue lendo...

Alunos, professores e funcionários reclamam da falta de infra-estrutura na Universidade e pedem mais verbas. Uma das principais reivindicações é a destinação de 6% da receita do estado para a UERJ, como determina a Constituição fluminense.

Segundo a Conselheira Universitária recém-eleita e estudante da UERJ, Karen Melo, faltam professores nas salas de aula, pois alguns estão se aposentando, mas a Universidade tem feito apenas contratações temporárias. Karen também reclama da falta do bandejão e da manutenção de equipamentos. Segundo ela, bebedores estão quebrados e falta até mesmo papel higiênico nos banheiros.

Alguns lugares sofrem com as goteiras, há vazamentos e a fiação elétrica, em alguns locais, está exposta.

As greves na Universidade por melhores salários são constantes. O Sindicato dos trabalhadores das Universidades Públicas Estaduais no Estado do Rio (Sintuperj), afirma que os funcionários estão há oito anos sem aumento e reclamam perdas de 80% dos salários.

Criação da UERJ

A UERJ foi fundada em 1950, quando então se chamava Universidade do Distrito Federal (UDF), resultado da união da Faculdade de Ciências Econômicas do Rio de Janeiro, da Faculdade de Direito do Rio de Janeiro, da Faculdade de Filosofia do Instituto La-Fayette e da Faculdade de Ciências Médicas.

A UERJ hoje está presente em todo o Estado. Seja em suas unidades e campi regionais, como a Faculdade de Educação da Baixada Fluminense, em Duque de Caxias; Faculdade de Formação de Professores, em São Gonçalo; Faculdade de Tecnologia, em Resende; Instituto Politécnico, em Nova Friburgo; além do Centro de Estudos Ambientais e Desenvolvimento Sustentável (Ceads), na Ilha Grande, município de Angra dos Reis; além de Teresópolis e Cabo Frio.

Nenhum comentário: