Noticias no Blog

Cine Curtas UJS Novos Filmes Veja o primeiro minuto do filme 'Lula, o Filho do Brasil'

TV Socialista

Loading...

terça-feira, 17 de junho de 2008

RIO DE JANEIRO LEVA A MAIOR BANCADA DO CONGRESSO NACIONAL DA UJS!



Os 1.215 delegados do 14º Congresso da UJS (União da Juventude Socialista) elegeram a nova Direção Nacional (DN) da entidade neste domingo (15), em São Paulo. 69 lideranças de diversos estados e movimentos juvenis compõem a nova DN. Eles também homenagearam os membros que saíram da direção neste congresso, assim como cerca de 940 filiados que deixam a entidade por completarem 29 anos. O estudante de jornalismo, Marcelo Brito (Gavião), foi reeleito presidente nacional da UJS.

A nova Direção Nacional da UJS foi eleita por votação aberta e nominal. A cada novo nome apresentado pela mesa coordenadora do congresso para a DN, o plenário calorosamente saudava. Todos os nomes propostos foram eleitos com a ampla maioria dos votos, evidenciando o espírito de unidade que prevaleceu durante todas as votações.


E a maior UJS do Brasil não podia senão levar a maior bancada do congresso nacional com mais de 130 delegados que participaram de todos os debates ajudando na formulação e no norte de nossa ação por dois anos, reafirmando a bandeira do socialismo e tendo como o único sistema alternativo a esse capitalismo perverso que marginaliza nossa juventude.


Os camaradas carioca que hoje compõe a direção nacional da UJS são:


Igor Bruno(Pres. Estadual)

Monique Lemos(Sec. de Organização Estadual)

Rodrigo Weiz(Sec. de M.E. Estadual)

Luisa Barbosa(Executiva Municipal da Capital)

Flávia Calé(Dir. da UNE)

Ismael Cardoso(Pres. da UBES)

Thiago Mayworm(Cood. de Gestão da UBES)

Alessandro Sandini(Frente de Cultura)

segunda-feira, 2 de junho de 2008

UJS CARIOCA REALIZA O MAIOR CONGRESSO DA SUA HISTÓRIA E ELEGE NOVO PRESIDENTE!!


Em um dia de sábado, chuvoso, na Universidade Estadual do Rio de Janeiro aconteceu algo que vou tentar definir com palavras...

O congresso da capital do Rio de Janeiro ocorreu ontem(dia 31 de maio) e não tenho dúvidas que foi o maior congresso já realizado no Rio de Janeiro, chego me atrever a dizer que foi o maior congresso entre as capitais do Brasil! E quando digo isso não é me referindo só à questão numérica, mas também na qualidade dos debates e na participação da galera que engrossa nossas fileiras de batalhas há tão pouco tempo e já desempenham papel fundamental na formulação de nossa organização, dando o reflexo e a confirmação que de fato a UJS CARIOCA está enraizada e próxima das massas no que se refere à nossa atuação.

Esse congresso foi a prova que estamos preparados para as grandes batalhas que iremos enfrentar nesse ano que devemos ter como centralidade da nossa ação a derrubada do fascista César Maia que destrói a nossa cidade e marginaliza nossa juventude por 16 anos com suas atitudes reacionárias como foi a de tentar empurrar a aprovação automática nas escolas municipais.

Não tenho duvidas que ainda precisamos avançar e crescer muito, pois se nossa proposta é fazer revolução precisamos de cada vez de mais jovens ganhos para essa causa.

E o congresso em si como foi...

No congresso foram credenciados exatamente 365 delegados tendo circulado e participado do congresso mais de 700 jovens de toda a cidade do Rio de Janeiro.

O congresso começou às 09:30 com as oficinas de fanzine, malabares, teatro e cine clube, mais as atividades desenvolvidas pela estudantada como as rodas de capoeira, Jiu Jitsu, Hip Hop e Funk.

As 11:30 começaram os debates sobre: M.E., Educação, Rio - Cidade Repartida, GLBTT, Cultura e Hip Hop.

Os debates tiveram uma média de 60 pessoas que lotaram as salas da UERJ.

Após o almoço foi dado início à plenária final com a presença da candidata è prefeitura Jandira Feghali, o deputado federal Edmilson Valentim, Ricardo Capelli, Jorge Barreto(Presidente Municipal do PCdoB) e Bruno Sereno (presidente da JSPDT), ato esse que contava com o auditório 13 da UERJ lotado de ponta a ponta e prestou homenagens à expoentes da luta politica nacional, entre os quais estava incluido Leonel Brizola, pela contribuição ao projeto educacional de nosso Estado. É importante destacar o marco político desse ato que lança a campanha UNIR A JUVENTUDE PARA MUDAR A CIDADE, visando um projeto mais progressista para o Rio. A militância da UJS, já debatendo desde o inicio do ano algumas propostas para a construção de uma cidade melhor, finalizou uma carta-proposta na manhã de seu congresso e encaminhou-a para Jandira Feghali (candidata a prefeita) e Ricardo Cappelli (candidato a vereador). O ato reafirmou o compromisso histórico desses candidatos com a luta da juventude carioca.

Seguido de plenária final onde foram votadas as propostas debatidas no G.D. e elegeu o Roberto Nunes para presidir por dois anos a UJS CARIOCA e toda a nominata da direção municipal por consensos.

As 17hs deu-se início a festa com apresentação de bandas e Hip Hop, na concha acústica da UERJ.

O congresso durou 8hs seguida de festa e sem sombra de duvidas refletiu de fato o que a UJS CARIOCA se propõe a ser, uma organização massivo, irreverente, mas que também discuti política e compromissada com a construção de uma sociedade mais justa e igualitária, O SOCIALISMO!