Noticias no Blog

Cine Curtas UJS Novos Filmes Veja o primeiro minuto do filme 'Lula, o Filho do Brasil'

TV Socialista

Loading...

segunda-feira, 2 de fevereiro de 2009

MEC suspende vestibular de três cursos de medicina do Rio

O Ministério da Educação anunciou, no dia 29, três medidas cautelares para sanear cursos de medicina que apresentaram condições insatisfatórias. As medidas anunciadas afetam os cursos da Universidade Severino Sombra, em Vassouras, o Centro de Ensino Superior de Valença e a Universidade Iguaçu (Unig).
A Universidade Severino Sombra e o Centro de Ensino Superior de Valença estão proibidos de realizar qualquer tipo de processo para o ingresso de novos alunos. Se as instituições não regularizarem as pendências até junho desse ano, poderão ter os cursos descredenciados e não poderão mais funcionar.
A Universidade Iguaçu já havia sido notificada pelo MEC em dezembro de 2008, porém não atendeu ao pedido de suspensão de ingresso de alunos e realizou vestibular. Com uma medida cautelar, os alunos que passaram nas provas estão impedidos de iniciarem o ano letivo.
O ministro da Educação, Fernando Haddad, descartou a hipótese de prejuízo aos alunos universitários. “O que o estudante precisa entender é que procuramos preservar o seu direito. Ao negar o seu ingresso em uma instituição que está mal estruturada, nós estamos preservando o seu direito de educação”, disse Haddad.
A Secretaria de Educação Superior (Sesu) do MEC organizou uma comissão em agosto de 2008, chefiada pelo médico Adib Jatene, para uma avaliação dos 17 cursos de medicina que tiveram notas insatisfatórias no Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade). Segundo o ministro Haddad, a maior deficiência das universidades é a falta de estrutura para o exercício prático da medicina.
O MEC deu prazo até 30 de junho para que as três instituições resolvam insuficiências detectadas por uma comissão de especialistas.

Nenhum comentário: