Noticias no Blog

Cine Curtas UJS Novos Filmes Veja o primeiro minuto do filme 'Lula, o Filho do Brasil'

TV Socialista

Loading...

quinta-feira, 30 de julho de 2009

A insatisfação como premissa


*Por Theo Rodrigues

Revendo as fotografias e os materiais que pude recolher na viagem que fiz a Cuba no início de 2008, encontrei a foto de um pequeno artigo de jornal que estava preso no mural da Universidade de Havana. Este artigo, intitulado “La insatisfaccion como premisa”, foi escrito por Osviel Castro Medel da UJC.

Em um momento em que a UJS pretende entrar em uma nova fase de amplitude de ação e de representação, achei importante traduzir este texto da UJC para que nossos filiados tenham acesso à informações sobre aquela juventude. Nas palavras do Secretário de Juventude do Comitê Central, Ricardo Abreu (o alemão), “essa nova fase pode ser caracterizada como a fase da UJS de massas”.

Da mesma forma como o desafio estratégico da UJS hoje é se postar como entidade de massas, este é o desafio colocado para a UJC de Cuba. Segundo o Primeiro Secretário da UJC, Julio Martinez, “Temos que encontrar fórmulas para que cada vez seja maior o número de jovens que desejam ingressar em nossas fileiras”. Segue abaixo a tradução que fiz do texto. Perdoem qualquer erro gerado pelo enferrujamento de meu espanhol...

A insatisfação como premissa

Por Osviel Castro Medel

PILON, Granma - A União de Jovens Comunistas tem o desafio de ser uma organização de vanguarda, mas também a de converter-se em uma instituição muito mais atrativa para a juventude.

Estas razões fizeram Julio Martinez, Primeiro-Secretário da UJC no país, a intervir na Assembléia de balanço de Pilon, penúltima da província de Granma.

“Temos que encontrar fórmulas para que cada vez seja maior o número de jovens que desejam ingressar em nossas fileiras”, disse o dirigente ao mesmo tempo em que reconheceu que se necessita manter uma condição inviolável: aqueles que se incorporarem a Juventude devem fazê-lo como resultado de uma atitude exemplar ante a sociedade.

Julio Martinez disse ainda que as assembléias de balanço da UJC em toda a Cuba se caracterizaram pela constante preocupação dos militantes em melhorar o trabalho da organização, elemento que demonstra o amadurecimento da UJC nestes tempos.

“Em meio a este processo se sucederam várias reflexões do nosso Comandante em Chefe e o discurso de Raul em 26 de julho, e isso nos contribuiu com valiosas ferramentas e argumentos para realizar o trabalho político”, expôs.

Assinalou que os debates nos municípios apontaram três temas fundamentais: a responsabilidade da organização na formação de valores, o funcionamento da UJC e a preparação de toda a juventude na defesa da pátria.

Na conversa com os 99 delegados na assembléia de Pilon, Julito chamou a elevar a combatividade e o espírito crítico de toda a militância e a enfrentar os fatos criminais, as condutas inadequadas e a corrupção.

Nenhum comentário: