Noticias no Blog

Cine Curtas UJS Novos Filmes Veja o primeiro minuto do filme 'Lula, o Filho do Brasil'

TV Socialista

Loading...

sábado, 29 de novembro de 2008

Jandira quer transformar o Imperator em espaço cultural multiuso

A antiga casa de shows Imperator, no Méier, será reaberta e vai se transformar num espaço cultural multiuso. O anúncio foi feito, no dia 27, pela futura secretária municipal de Cultura, Jandira Feghali, e por Adriana Rattes, secretária estadual de Cultura, durante vistoria no local. O Imperator pertence ao governo estadual e está fechado há 10 anos. A gestão após a reabertura ainda será definida, mas é certo que o município terá participação.
A idéia, segundo Adriana Rattes, é que o governo estadual faça parcerias com o município para a gestão dos equipamentos culturais do estado localizados na capital. Com isso, a Secretaria Estadual de Cultura poderá investir ainda mais nos equipamentos instalados nos outros municípios.
O primeiro passo será a realização de um diagnóstico completo do estado de conservação das instalações do Imperator. No primeiro trimestre de 2009 as secretarias de Cultura do município e do estado apresentarão o projeto com as obras que serão necessárias, a ocupação do espaço e o tipo de gestão que será implantada.
Jandira Feghali fez a vistoria acompanhada de dois arquitetos de sua equipe de transição. O prédio está em péssimo estado de conservação. Há cerca de um ano, o estado fez limpeza no local, com retirada de focos de dengue e troca da fiação elétrica, que havia sido roubada.
A futura secretária municipal de Cultura explicou que depois das obras o Imperator vai funcionar como um espaço aberto para diversas manifestações culturais. “Vamos transformar o Imperator em espaço multiuso, que vai funcionar dia e noite. Outro espaço que também pode ser transformado em multiuso nessa parceria entre município e estado é o Curtume da Penha”, afirmou Jandira.
Na galeria que dá acesso ao Imperator funciona atualmente uma feira de artesanato. Jandira Feghali e Adriana Rattes afirmaram que vão negociar de forma democrática como os artesãos serão alocados e garantiram que ninguém ficará desempregado.
História
O Imperator, onde antes funcionava um cinema, se tornou uma casa de shows no começo dos anos 1990. Localizada no bairro do Méier, o local recebeu grandes nomes da música nacional e internacional, se tornando o único local da região com condições de apresentar essas atrações.
Depois de fechado, temeu-se a transformação do espaço em igreja evangélica, fenômeno que ocorreu com diversos cinemas de rua. Em 2002, o Governo do Estado desapropriou o local prometendo reabri-lo, o que perdura até o momento.

Um comentário:

Roberto Nunes disse...

To achando que a Jandira vai revolucionar a cultura no Rio...