Noticias no Blog

Cine Curtas UJS Novos Filmes Veja o primeiro minuto do filme 'Lula, o Filho do Brasil'

TV Socialista

Loading...

sexta-feira, 11 de janeiro de 2008

A NÃO TEM LOROTA, ISMAEL É CARIOCA!



Mostrando uma grande unidade da ampla maioria das forças que disputam o movimento estudantil, a chapa 4 ''Estudantes brasileiros por uma educação de qualidade'', obteve 704 votos, elegendo Ismael Cardoso, filiado a União da Juventude Socialista (UJS), para presidir a União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (Ubes) nos próximos dois anos. A eleição ocorreu neste domingo (9) e reuniu do dia 6 ao dia 9 de dezembro, em Goiânia (GO), 2.500 estudantes de todos os 27 estados brasileiros.

Foram credenciados 952 delegados que tiveram direito a voto durante a Plenária Final. Deste total, 839 votaram. Quatro chapas se inscreveram para disputar a presidência da Ubes. Mostrando uma grande unidade da ampla maioria das forças que disputam o movimento estudantil, a chapa 4 ''Estudantes brasileiros por uma educação de qualidade'', obteve 704 votos dos votos, elegendo Ismael para estar à frente da entidade nos próximos dois anos.

A chapa 1 ''Luta Secundarista: por uma Ubes na escola, nas ruas'', que tinha como candidata a estudantes de São Carlos (SP), Clara Cerminaro, 16 anos, obteve 7 votos. A chapa 2 ''Rebele-se: a hora é essa. Educação como prática de liberdade'' lançou o nome do estudante carioca Gregório Gould, 21 anos, e computou 69 votos. Já a chapa 3 ''Juventude petista: a Ubes é pra lutar'' não apresentou um nome para concorrer e conseguiu 59 votos.

O novo presidente da Ubes agradeceu o apoio e a confiança da maioria dos estudantes na escolha do seu nome. Disse que ele apenas é mais um dentro de uma gestão que pretende traçar uma linha de vitórias daqui para frente. Chamando todas as forças políticas para pensar uma Ubes para o próximo período, ressaltou que o momento é de unificação de idéias em torno de um pacto em defesa da educação básica.

Ismael destacou o vitorioso 37º Congresso, que, segundo ele, conseguiu reunir as principais lideranças estudantis do país com objetivo de formular propostas para fortalecer a Ubes e criar condições da entidade colocar cada vez mais estudantes nas ruas para pressionar pelas mudanças de que o país precisa.

Nenhum comentário: